INFORMAÇÕES SOBRE O TABACO

A planta do tabaco pertence à família das Solanáceas, a mesma da batata, da beringela, do tomate e do pimento. É anual ou por vezes multianual, com caule ereto, 1-3 metros de altura, folhas elípticas ou lancetas que contêm sais minerais, açúcares, proteínas, resinas, essências aromáticas, compostos voláteis e nicotina. As flores são muito bonitas, recolhidas em inflorescências em espiga. O fruto é uma cápsula com sementes castanhas muito pequenas, esféricas ou elípticas, que sobrevivem 4-5 anos em condições normais de ambiente. A partir do século XVI, vinda da América, a planta do tabaco difundiu-se rapidamente em todo o mundo, distinguindo-se em muitas variedades, graças à alta adaptabilidade a diferentes ambientes. Atualmente, o tabaco é cultivado em cerca de cem países, a maior parte dos quais em vias de desenvolvimento. Os continentes onde o cultivo é mais difuso são a Ásia (sobretudo China, Índia, Turquia) e América (Estados Unidos, Brasil), mas está presente também na Europa (Itália, Grécia, Bulgária, Polónia, Rússia), África (Zimbabué, Malawi) e Oceânica (Austrália e Nova Zelândia).Cada região apresenta diferentes resultados. A influência do clima e do terreno é determinante.

 

1/4

O tabaco chegou à Europa com a descoberta da América, mas os povos originários do continente americano já fumavam em âmbito ritual e religioso há muito tempo. 

Existem diferentes variedades de tabaco que se distinguem pelas características, exigências climáticas e cuidado com as folhas após a colheita.

 

Acreditamos que o setor do tabaco deve ser submetido a uma disciplina normativa capaz de tutelar os cidadãos e satisfazer os diferentes interesses.  

International Tobacco PLC - London